Bibliografia

ABREU, Alzira Alves. A modernização da imprensa: 1970-2000. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 2002.
ABREU, Alzira Alves. De românticos a profissionais. Antropolítica. Niterói, nº 5, 2º sem. 1998, p. 7-19.
ALBUQUERQUE, Afonso de. A identidade jornalística no Brasil: algumas questões teóricas e metodológicas. e-Compós (Revista eletrônica da Associação dos Programas de Pós- Graduação em Comunicação e Informação). N. 1, dez. 2004. Disponível em:
<http://www.compos.org.br/e-compos >. Acesso em: 01/04/2011.
ALCÂNTARA DA SILVA, Pedro. Jornalistas portugueses: elementos sociográficos. Bibilioteca online de Ciências da Comunicação, 2000. Disponível em:
http://www.bocc.ubi.pt/_esp/autor.php?codautor=561. Acesso em: 01/04/2011.
ANDRINGA, Diana. Jornalismo: uma profissão em mudança. Anais do VI Congresso Português de Sociologia. Lisboa, 2008.
AROSO, Inês Mendes Moreira. A Internet e o novo papel do jornalista. Disponível em:
<www.bocc.ubi.pt>. Acesso em: 01/04/2011.
BALDESSAR, Maria José. A mudança anunciada: o cotidiano dos jornalistas com o computador na redação. Florianópolis: Insular, 2003.
BARBETTA, Pedro Alberto. Estatística aplicada às Ciências Sociais. 7. ed. Florianópolis: Ed. da UFSC, 2011.
BARROS FILHO, Clóvis; MARTINO, Luís Mauro Sá. O habitus na comunicação. São Paulo: Paulus, 2003.
CASTRO, D.; MELO, J. M. de; CASTRO, C. (org.). Panorama da comunicação e das telecomunicações no Brasil. Brasília: Ipea, 2010. 3 v
FIDALGO, Joaquim. Jornalistas: um perfil socioprofissional em mudança. Comunicação e Sociedade. Vol. 5. Aveiro, 2004, p. 63-74.
FIGARO, R. (coord.) As mudanças no mundo do trabalho dos jornalistas. Grupo de Pesquisa Comunicação e Trabalho CNPq/ECA-USP. São Paulo: Fapesp, 2010. (Relatório de pesquisa). Disponível em:
http://www.eca.usp.br/comunicacaoetrabalho/wp/index.php/pesquisas/2008-2010/. Acesso em: 01/04/2011.
FONSECA, Virgínia Pradelina da Silveira; KUHN, Wesley. Jornalista contemporâneo: apontamentos para discutir a identidade profissional. Intexto. Porto Alegre: UFRGS, v. 2, n. 21, p. 57-69, jul-dez 2009.
FONSECA, Virginia Pradelina da Silveira. Questões sobre a identidade do jornalista contemporâneo. Estudos em Jornalismo e Mídia. Florianópolis: Edufsc; Insular, Ano V, n. 2, pp. 129-140, jul-dez 2008a.
FONSECA, Virginia Pradelina da Silveira. Indústria de notícias. Capitalismo e novas tecnologias no jornalismo contemporâneo. Porto Alegre: Editora da UFRGS, 2008b.
FRANCISCATO, C. E.; SPENTHOF, E.; TONUS, M.; GADINI, S. L.. A produção do conhecimento no campo do Jornalismo. In: CASTRO, D.; MELO, J. M. de; CASTRO, C. (org.). Panorama da comunicação e das telecomunicações no Brasil. V. 2. Brasília: Ipea, 2010, p. 99-116.
GARCIA, José Luís; CASTRO, José. Os jornalistas portugueses. Da recomposição social aos processos de legitimação profissional. Sociologia-Problemas e Práticas. Lisboa: CIES, nº13, p. 102, 1993.
GUIMARÃES, Manoel Marcos. Sociologia do jornalismo: o caso Brasil. In: NEVEU, Érik. Sociologia do jornalismo. São Paulo: Loyola, 2006, p. 185-194.
HERSCOVITZ, Heloiza. Jornalistas brasileiros no século XXI, visões sobre a profissão. Fenaj, disponível em:
http://www.fenaj.org.br/arquivos/resultados_enquete_com_jornalistas_brasileiros.doc. Acesso em 05/02/2011.
HERSCOVITZ, Heloiza. Jornalistas de São Paulo: quem são e o que pensam em comparação aos jornalistas americanos e franceses. Revista Brasileira de Ciências da Comunicação. Vol. XXIII, n. 2, jul/dez. 2000
LE BOHEC, Jacques. Les mythes professionels des journalistes. Paris : L’harmattan, 2000.
LEMIEUX, Cyril. Mauvaise presse: une sociologie compréhensive du travail journalistique et de ses critiques. Paris: Métailié, 2000.
MARCONDES FILHO, Ciro. A saga dos cães perdidos. São Paulo: Hackers Editora, 2000.
MARCONDES FILHO, Ciro. Ser jornalista: o desafio das tecnologias e o fim das ilusões. São Paulo: Paulus, 2010a.
MARCONDES FILHO, Ciro. Ser jornalista: a língua como barbárie e a notícia como mercadoria. São Paulo: Paulus, 2010b.
MICK, Jacques. A conformação dos críticos. A concentração de propriedade na mídia e o trabalho dos jornalistas de A Notícia sob o comando da RBS (2006-2008). Florianópolis: Universidade Federal de Santa Catarina, 2011. (Relatório de pesquisa.)
NEVEU, Érik. Sociologia do jornalismo. São Paulo: Loyola, 2006.
PEREIRA, Fábio Henrique. A elite dos jornalistas brasileiros: representatividade e legitimidade dentro do grupo profissional. Disponível em: < http://www.bocc.ubi.pt > Acesso em: 01/04/2011.
RIEFEL, Rémy. L’élite des journalistes. Paris: PUF, 1984.
RÜDIGER, Francisco. Tendências do jornalismo. Porto Alegre: Ed. UFRGS, 1993.
TRAVANCAS, Isabel Siqueira. O mundo dos jornalistas. São Paulo: Summus, 1993.
WEAVER, David. The American Journalist in the 21st Century: U.S. News People at the dawn of a new millennium. New Jersey: Lawrence Erlbaum Associates, 2007.